O Semeador em pauta

 

Os dias se passaram e logo estamos em quase um ano sem nenhuma postagem nova, parece abandono, mas chamemos de fim de semestre na faculdade…

Amo escrever neste blog, para mim é como um “Diário”, eu não sei usar corretamente todas as palavras mas as uso como posso. Amo contar histórias e ouvi-las também, me entristeço quando não consigo plenamente manter as postagens, no entanto, estou de volta e vou continuar de onde parei.

Hoje quero deixar um pequeno texto que escrevi lá com meus 16 anos.

Apreciem com moderação…

11995735_923584034355912_1111418380_nDe tudo que já falamos ou vamos falar pra alguém em nossa vida, a coisa que mais nos causa “frio na barriga” é a hora de dizer “eu gosto de você”…claro que dizer “ eu quero um aumento” é quase o mesmo frio na barriga…kkkk

Decidi escrever sobre isso, essa coisa de revelar os sentimentos tão naturais ao ser humano, que nos coloca em uma situação delicada e nos deixa vulneráveis mesmo causando tanto prazer… e então surge a pergunta:

E se eu dissesse de uma vez?

E se eu arriscasse contar meus sentimentos?

Mas dizer o que?

E se você não gostar?

E se eu for só um bom amigo pra você?

Como eu vou saber?

Tenho medo de te perder por não tentar

Mas tenho medo de tentar e te perder

Você é tão linda e sempre sabe o que dizer

Com você eu sou quem eu quero ser

Quer saber a verdade?

Você me ganhou desde o começo

Eu não consegui parar de te olhar

E quando conversamos eu fiquei paralisado

Você me conhecia mais do que qualquer um

Parece historia de filme, uma frase decorada

Mas acredite, não estou inventando

Eu queria que fosse diferente, não queria ter medo

Queria ser melhor pra poder te merecer

Eu já tentei amar muitas vezes

Mas quando te conheci descobri que não sabia amar

Eu mudei por pensar que estava amando

E você me fez querer ser eu mesmo e me fez gostar

Vou ser sincero, não sei dizer o que sinto

Só sei que gosto e tem me feito bem

Eu acho que nunca quis ser um cara melhor

Ou só nunca tenha encontrado uma razão para ser

Até agora…

 

 

2 comentários Adicione o seu

  1. Ester Rosa disse:

    De tanto aguardar a volta do semeador me alegro pelo seu retorno. Excelente texto, pois vem de dentro. ^^

    Curtir

    1. Semeador disse:

      Muito obrigado Ester… *-* É um pouco novo para mim escrever para apenas uma postagem sem estar realmente contando uma história sequencial que levaria vários posts e várias semanas. Estou curtindo muito e pretendo continuar, afinal eu precisava postar alguma coisa no “Pensamentos e Devaneios” que já era uma proposta de longa data, da qual eu estava fugindo, contudo, uma hora todos nós enfrentamos nossas dificuldades.

      Curtir

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s